Notícias

25.04.2018

Assecre e Cephas estão com inscrições abertas para cursos profissionalizantes gratuitos

A Associação dos Empresários do Chácaras reunidas está com inscrições abertas para cursos profissionalizantes de Introdução ao Tratamento de Águas e Efluentes, Eletrônica Embarcada em Veículos e Princípios do Bombeamento de Líquidos.

Os cursos são gratuitos e serão oferecidos pelo Cephas, na sede da Associação durante os meses de abril e maio. As aulas acontecerão duas vezes por semana, sempre no período da tarde.

Podem participar maiores de 16 anos, que tenham concluído o ensino fundamental.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (12) 3201-6844 ou na sede da entidade que fica na Rua Loanda, 895, Chácaras Reunidas, São José dos Campos. As inscrições deverão ser feitas pessoalmente na Assecre.

Curso

Perfil Profissional

Ementário

Carga
Horária

Horário

Mês de
Início

Data da oferta

INTRODUÇÃO AO TRATAMENTO DE ÁGUAS E EFLUENTES

Atuar nas unidades tratamento de águas e efluentes industriais, sob orientação e supervisão técnicas, reconhecendo os processos de tratamento, equipamentos e materiais envolvidos, as resoluções e os padrões de qualidade.

•        A água na natureza
•        Água: usos e padrões de qualidade
•        Efluentes líquidos
•        Processos de tratamento

24 (horas/ aulas)

13h30 às
16h45 

ABRIL

Terças e Quintas: 03,10,17, 24, 26, 03

ELETRONICA EMBARCADA EM VEÍCULOS

Manutenção corretiva e avaliação básica das unidades de controle dos veículos modernos, via escaneamneto ODB2 e teste de sensores automotivos

•        Ciclo Otto de combustão
•        Elétrica básica
•        Conceito tensão/corrente/potência elétrica
•        Conceito malha de controle fechada
•        Conceito de rede automotiva
•        Sensores automotivos
•        Padrão de escaneamento ODB2

24 (horas/ aulas)

13h30 às
16h45 

ABRIL

Quartas e Quintas: 04,05,11,12,18 e 19

PRINCÍPIOS DO BOMBEAMENTO DE LÍQUIDOS

Atuar em unidades industrias, na operação de processos de transferência de líquidos, sob orientação e supervisão técnicas, reconhecendo os diversos tipos de bombas, suas características, as suas manobras de partida e parada, seus principais problemas operacionais e a forma de resolvê-los.                                    

•        Conceitos Fundamentais

•        Propriedades Físicas dos Fluidos

•        Pressão em Escoamento

•        Escoamento de Líquidos

•        Força Centrífuga

•        Deslocamento Positivo

•        Bombas

•        Bombas Centrífugas

•        Bombas Rotativas

•        Bombas Alternativas

•        Associação de Bombas

•        Problemas Operacionais mais Frequentes

24 (horas/ aulas)

13h30 às
16h45 

Maio

Terças e Quintas: 08,10,15,17, 22 e 24                       

- Visualizar todos

Relacionados

  • Futuro da previdência social é debatido em evento da Assecre

    As preocupações dos empresários com relação a previdência e a complementação de renda futura foram temas debatidos durante o Café Empresarial de abril.

  • Assecre convoca Secretário de Inovação e Desenvolvimento Econômico para discutir reajuste da passagem

    No dia 13 de março, o Secretário de Inovação e Desenvolvimento Econômico de São José dos Campos, Alberto Alves Marques Filho, esteve na Assecre para uma reunião com os associados para discutir o aumento das passagens de ônibus na cidade. O Secretário apresentou aos 15 associados que estiveram presentes na reunião os estudos que foram feitos para que a prefeitura tomasse a decisão de repassar o reajuste apenas para os empresários, elevando o valor do Vale Transporte de R$ 4,10 para R$ 4,60. “Temos consciência de que essa medida foi um tanto quanto controversa. Eu mesmo em um primeiro momento achei negativo fazer o reajuste apenas no Vale Transporte, mas depois que analisei com calma os estudos e ouvi o grupo que participou da decisão, concordei que é mais fácil para o empresário absorver esse reajuste do que para as pessoas que estão desempregadas e precisam buscar emprego e qualificação”, disse. Segundo os Associados que participaram da reunião, a medida, mais uma vez, coloca um peso extra sobre as pequenas e médias empresas que terão de absorver o reajuste. Eles também questionaram o fato de não terem sido ouvidos durante as discussões que levaram a prefeitura a adotar o reajuste somente para o Vale Transporte. “Estamos questionando essa medida, pois ela abriu um precedente difícil de encerrar. Mais uma vez as pequenas e médias empresas que estão saindo de crise com o caixa drenado acabaram sofrendo. E nem sequer sabíamos qual era a motivação para que a decisão fosse tomada”, disse o associado Bruno Frossad. “Nós estamos nos manifestando, principalmente porque gostaríamos de ser ouvidos pela prefeitura e participar destas discussões que atingem diretamente o nosso setor que já vem sofrendo devido as recentes crises econômicas”, acrescentou o coordenador da Assecre Eduardo Piloto. O secretário concordou que houve uma falha de comunicação com a Assecre e que avaliará a participação mais próxima da associação em novas discussões. “Temos um relacionamento muito próximo com a Assecre e foi ruim não termos envolvido a associação nas discussões, pois ela reúne especificamente as empresas com o perfil de utilização do Vale Transporte”, disse. Ele ainda informou que não há como prever como será o reajuste no próximo ano, pois tudo irá depender da economia da cidade e de como será a utilização da frota. Transporte Compartilhado pode ser alternativa para reduzir custo com transporte A Assecre oferece aos associados o serviço de Transporte Compartilhado. Esse serviço passou por uma grande reestruturação em 2017 e hoje está muito mais eficiente e com um custo competitivo. Atualmente 56 linhas estão em funcionamento e tem um custo a partir de R$12,66 por funcionário. As empresas interessadas no serviço devem entrar em contato com a Elisangela pelo e-mail elisangela@assecre.org.brou pelo telefone (12) 3201-6844.

  • Assecre convoca Secretário de Inovação e Desenvolvimento Econômico para discutir reajuste da passagem

    No dia 13 de março, o Secretário de Inovação e Desenvolvimento Econômico de São José dos Campos, Alberto Alves Marques Filho, esteve na Assecre para uma reunião com os associados para discutir o aumento das passagens de ônibus na cidade. O Secretário apresentou aos 15 associados que estiveram presentes na reunião os estudos que foram feitos para que a prefeitura tomasse a decisão de repassar o reajuste apenas para os empresários, elevando o valor do Vale Transporte de R$ 4,10 para R$ 4,60. “Temos consciência de que essa medida foi um tanto quanto controversa. Eu mesmo em um primeiro momento achei negativo fazer o reajuste apenas no Vale Transporte, mas depois que analisei com calma os estudos e ouvi o grupo que participou da decisão, concordei que é mais fácil para o empresário absorver esse reajuste do que para as pessoas que estão desempregadas e precisam buscar emprego e qualificação”, disse. Segundo os Associados que participaram da reunião, a medida, mais uma vez, coloca um peso extra sobre as pequenas e médias empresas que terão de absorver o reajuste. Eles também questionaram o fato de não terem sido ouvidos durante as discussões que levaram a prefeitura a adotar o reajuste somente para o Vale Transporte. “Estamos questionando essa medida, pois ela abriu um precedente difícil de encerrar. Mais uma vez as pequenas e médias empresas que estão saindo de crise com o caixa drenado acabaram sofrendo. E nem sequer sabíamos qual era a motivação para que a decisão fosse tomada”, disse o associado Bruno Frossad. “Nós estamos nos manifestando, principalmente porque gostaríamos de ser ouvidos pela prefeitura e participar destas discussões que atingem diretamente o nosso setor que já vem sofrendo devido as recentes crises econômicas”, acrescentou o coordenador da Assecre Eduardo Piloto. O secretário concordou que houve uma falha de comunicação com a Assecre e que avaliará a participação mais próxima da associação em novas discussões. “Temos um relacionamento muito próximo com a Assecre e foi ruim não termos envolvido a associação nas discussões, pois ela reúne especificamente as empresas com o perfil de utilização do Vale Transporte”, disse. Ele ainda informou que não há como prever como será o reajuste no próximo ano, pois tudo irá depender da economia da cidade e de como será a utilização da frota. Transporte Compartilhado pode ser alternativa para reduzir custo com transporte A Assecre oferece aos associados o serviço de Transporte Compartilhado. Esse serviço passou por uma grande reestruturação em 2017 e hoje está muito mais eficiente e com um custo competitivo. Atualmente 56 linhas estão em funcionamento e tem um custo a partir de R$12,66 por funcionário. As empresas interessadas no serviço devem entrar em contato com a Elisangela pelo e-mail elisangela@assecre.org.brou pelo telefone (12) 3201-6844.

  • Assecre convoca Secretário de Inovação e Desenvolvimento Econômico para discutir reajuste da passagem

    No dia 13 de março, o Secretário de Inovação e Desenvolvimento Econômico de São José dos Campos, Alberto Alves Marques Filho, esteve na Assecre para uma reunião com os associados para discutir o aumento das passagens de ônibus na cidade. O Secretário apresentou aos 15 associados que estiveram presentes na reunião os estudos que foram feitos para que a prefeitura tomasse a decisão de repassar o reajuste apenas para os empresários, elevando o valor do Vale Transporte de R$ 4,10 para R$ 4,60. “Temos consciência de que essa medida foi um tanto quanto controversa. Eu mesmo em um primeiro momento achei negativo fazer o reajuste apenas no Vale Transporte, mas depois que analisei com calma os estudos e ouvi o grupo que participou da decisão, concordei que é mais fácil para o empresário absorver esse reajuste do que para as pessoas que estão desempregadas e precisam buscar emprego e qualificação”, disse. Segundo os Associados que participaram da reunião, a medida, mais uma vez, coloca um peso extra sobre as pequenas e médias empresas que terão de absorver o reajuste. Eles também questionaram o fato de não terem sido ouvidos durante as discussões que levaram a prefeitura a adotar o reajuste somente para o Vale Transporte. “Estamos questionando essa medida, pois ela abriu um precedente difícil de encerrar. Mais uma vez as pequenas e médias empresas que estão saindo de crise com o caixa drenado acabaram sofrendo. E nem sequer sabíamos qual era a motivação para que a decisão fosse tomada”, disse o associado Bruno Frossad. “Nós estamos nos manifestando, principalmente porque gostaríamos de ser ouvidos pela prefeitura e participar destas discussões que atingem diretamente o nosso setor que já vem sofrendo devido as recentes crises econômicas”, acrescentou o coordenador da Assecre Eduardo Piloto. O secretário concordou que houve uma falha de comunicação com a Assecre e que avaliará a participação mais próxima da associação em novas discussões. “Temos um relacionamento muito próximo com a Assecre e foi ruim não termos envolvido a associação nas discussões, pois ela reúne especificamente as empresas com o perfil de utilização do Vale Transporte”, disse. Ele ainda informou que não há como prever como será o reajuste no próximo ano, pois tudo irá depender da economia da cidade e de como será a utilização da frota. Transporte Compartilhado pode ser alternativa para reduzir custo com transporte A Assecre oferece aos associados o serviço de Transporte Compartilhado. Esse serviço passou por uma grande reestruturação em 2017 e hoje está muito mais eficiente e com um custo competitivo. Atualmente 56 linhas estão em funcionamento e tem um custo a partir de R$12,66 por funcionário. As empresas interessadas no serviço devem entrar em contato com a Elisangela pelo e-mail elisangela@assecre.org.brou pelo telefone (12) 3201-6844.

  • ASSECRE celebra o Dia Internacional da mulher com palestra e sorteio de brindes

    Cerca de 60 mulheres se reuniram no auditório da ASSECRE, no dia 08 de março, para celebrar o dia dedicado elas.

  • ASSECRE na mídia - Vanguarda Mix

  • ASSECRE convoca Eleições 2017

  • Feijoada ASSECRE Luta Olímpica

© 2011 Assecre - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: DB9

Rua Loanda, 895 – Chácaras Reunidas – São José dos Campos/SP – CEP 12.238-330 Tel.: 12 3201-6844